Tuesday, 22 September 2020

Quem muda, Deus Ajuda! Pumba Cortei o cabelo outra vez!

 É verdade quem viu as minhas fotos nas redes sociais reparou que eu tinha uma descomunal e gigantesca juba... o meu cabelo batia cerca de 10 cm abaixo da linha do soutien!


O meu grito do ipiranga deu-se e eu cortei-o bem curto...

Se me perguntarem o motivo? Porque precisava de me sentir mais EU por mim, por quem sou, afinal, eu adoro o meu cabelo, é a minha coroa, no entanto, tal como cada rainha eu tinha de tomar a minha identidade como minha e apenas como minha, o cabelo longo estava-me a estorvar, a prender desnecessariamente a um passado que nao me pertence hoje em dia, quando voltar a deixar crescer o meu cabelo pertencerá apenas a essa Mariana, a Mariana que tal decidir!

Por isso gritei ao mundo e cortei, cortaram-me o cabelo com a maquina como se fosse um homem, quando senti o cabelo a cair nao senti que fosse uma pena porque me durou muitos anos a crescer mas sim uma liberdade de espírito, como se o futuro e o presente finalmente me pertencem-se apenas a mim e a mais ninguém!

Confesso que quando lá cheguei pedi, "Olhe corte-me só as pontinhas por favor..." nao estava de toda preparada no momento que lá cheguei para cortar tantgo como aquilo que cortei no entanto mulheres como eu já nasceram preparadas para grandes mudanças... E foi exactamente o que eu fiz... 

Mudei! Por mim! Para mim!

Espero que gostem, tanto como eu gostei...





No comments:

Post a comment

Ola! Gostaste do post? Tens alguma opinião sobre o assunto?
Comenta ;)
Saudações Negras